aseado nas grandes orquestras, a direção artística é realizada através da Diretoria Executiva com apoio do Conselho Administrativo formado por pessoas de conhecimento e notório saber.

O Maestro Gesse Araujo que iniciou seus estudos em 1979, com conhecimento e experiência em direção e produção artística cultural em associações musicais, vem dar um sentido contemporâneo de administração nesta Empresa Orquestra.
Formado em música, com habilitação em Regência Orquestral e Composição Erudita pela UNESP, tem buscado aperfeiçoamento e conhecimentos em gestão cultural e gerenciamento de projetos.

Estudou com os professores, David Brasil Loureiro, Samuel Kerr, Roberto Farias, Edmundo Villani Cortes, Flô Menezes, Edson Zampronha, Sergio Chnee, dentre outros em cursos e festivais.

Na orquestra, com delegação artística dos próprios músicos, as diretrizes são discutidas e votadas, para apontar uma visão mais próxima dos interesses do músico e do público.

A cada novo projeto de atuação, o repertório passa por um estudo e reflexão do contexto histórico didático, a fim de atender as expectativas dos ouvintes e platéia.

Assim, no naipe, cada músico é gerente do seu projeto musical e o processo de pes-quisa continuada traz sempre uma nova realidade musical e de interpretação.
Site por Movimenta